• Imagem aérea da MRN
  • Imagem de crianças
  • Cachoeira do Jamaracaru
  • Imagem das crianças de novo

12 setembro 2011

PALANQUE: FERNANDO ANDRADE NO PSDB

No próximo dia 30 de setembro, no seminário político que será promovido pelo PSDB, no Cliper Santo Antônio, a partir das 17 horas, dentre a presença de várias celebridades tucanas, o fato que deve marcar a importância do evento deve ser a filiação do Vice Prefeito Fernando Andrade ao PSDB, a janela tem a permissão do comandante do Democrata, o Federal Mocorongo Lira Maia. Quem estiver presente ao evento testemunhará o que o futuro promete.

11 comentários:

  1. Grandes merda esse deputado que tem um monte de prossesso por improbidade e outros inclusive já está no STF o pedido de condenação dessa limpesa, mas faz sentido esse comandante pros seus comandados rsrsrs. Oriximiná quem te via e quem te vê nessa politicalha

    ResponderExcluir
  2. A história de grande parte dos políticos está sendo escrita na justiça. Veja as mais de 50 ocorrências no site do Tribunal de Justiça do Estado do Pará com o nome do Prefeito. Já com o nome do protegido Ludugero (sem partido) há pelo menos 35 delas que somam mais de 1 milhão de reais em valores não atualizados de ações movidas pelo Banco da Amazônia, sem falar em outras que envolvem desvios de dinheiro público, etc, etc...Mas, o estado de direito tem evoluído, muitos deles já foram impedidos de participar de outras eleições e outros tantos serão impedidos nesta também. Assim esperamos!!!

    ResponderExcluir
  3. Caro ariuca, seu discurso é notoriamente cheio de parcialidades com relação a um grupo político. E vc hamilton flar em estado de direito, e seus processos na comarca de oriximiná. Nao conseguiu administrar o que teu padastro deixou. Inclusive teu blog recebe R$500,00 e uma empresa que nao é nem tua recebe mais 20% da suposta midia da Camara de Oriximina. Isso é certo? Isso é legal ou imoral?

    ResponderExcluir
  4. esse coelho travestido de protestante evangélico não engana ninguém, é da mesma quadrilha do toninho nassau que coloca uma mascara de cruz credo pra enganar o povo, a prova ta ai mudando de partido e deixando o dem na mão. (isso é trairagem) mal caratismo de uma pessoa que é obsecado por dinheiro, mas lembre-se fernando, o que é do povo volta pro povo e o juizo final ñao está longe...

    ResponderExcluir
  5. Quanto ao contrato de Agenciamento Publicitário com a Câmara de Vereadores, foi vencido de maneira legítima, sem maracutaia e acredite, isso não agradou a muitos vereadores que tinham outros interesses. A empresa recebe proventos garantidos em lei e a execução do orçamento é ordenada pelo Presidente e nem por isso comprometemos nossa linha editorial em nenhum dos veículos que atuamos como, Programa Cidade Livre, Tribuna Popular (RCO FM) e Jornal Lado Oeste, os conteúdos destinam-se a material publicitário, registro das ações parlamentares que tem haver com a Casa e não com os vereadores individualmente. Assim, se você provar alguma ilegalidade nisso, procure o MP e denuncie. Imoral mesmo querido Anônimo é a sua visão de mundo e seus conceitos. Em todo caso, agradeço por participar do Blog, você me ajuda, muito mais do que me perturba com seus comentários.

    ResponderExcluir
  6. Caro Anônimo. Falar em Estado de Direito é partir do princípio de que é garantida a ampla defesa a qualquer acusação que lhe seja feita. É para isso que existe o poder judiciário. Se você não sabe, sou acusado pelo Vereador Toninho Picanço – em especial – por tentativa de extorsão. Mas, isso ele terá que provar na justiça. Este processo é subscrito por outros vereadores igualmente ameaçados pelo justo trabalho que fazemos. O processo em questão se deve à matéria que sobre o processo do vereador que ficou adormecido por dezesseis anos no caso das falsificações de assinatura e roubo de cimento. Fora isso há outros processos de injúria, difamação de gente que se acha prejudicada com o nosso trabalho. Enfim, não há nenhuma acusação de roubo, assassinato, etc...

    ResponderExcluir
  7. Vejo que suas observações são avaliadas a partir dos valores que você preserva. Mas, saiba que nem todos os acusados são culpados e nem todos os negócios com a coisa pública são espúrios. Minha atividade profissional tem que lidar com gente como você – infelizmente – para garantir que as pessoas saibam das tramas que se constroem no jogo do poder. Por fim, me reservo o direito de ter e dar opinião e o faço de maneira aberta e franca. Tente fazer o exercício da verdade consigo mesmo, construa algum arcabouço intelectual e técnico, forme opinião e quem sabe assim você se encoraje para criar um blog e fazer assim como eu. Ah! Ía esquecendo, arrume sua emancipação financeira, sem isso contente-se em ser o que é: mais um “ANÔNIMO” a serviço dos interesses dos outros.

    ResponderExcluir
  8. Quase me esqueço! Putz! Porque você acha que não consigo administrar o que meu pai me deixou?

    ResponderExcluir
  9. oi fernando ,como faço pra falar pessolamente com vc.moro em Manaus,vim dai de oriximina eu tinha apenas 16 anos, e preciso de sua ajuda pra resolver um problema meu ele e muito serio,como vc e o vice-prefeito dai eu acho que pode me ajudar.eu mechamo valuzia,mas todos ai me conhecem como vanuza,meu telefoneé(092-9139-8081)

    ResponderExcluir
  10. vou responder de novo sua pergunta hamilton p ver se tu posta, 1º que o tapuio não era seu pai biológino segundo que o que ele deixou em 2 tempos tu acabastes, e o verdadeiro filho crispo ficou olhando tu acabares com tudo. poste meu caro a resposta que tu querias saber...

    ResponderExcluir
  11. Em primeiro lugar quero dizer ao amigo ANÔNIMO que você não está tão anônimo assim, que sempre o tive a guisa de um homem justo e merecedor de meu respeito e consideração, independentemente de suas convicções políticas. Por isso faço questão de lhe relatar o restante de minha história pessoal que você – provavelmente – ainda não sabe.
    Sou filho materno de uma índia Kayapó com o meu finado pai que todos conheciam por Tapuio, minha mãe afetiva, esposa de meu pai não podia ter filhos o que só veio a acontecer algum tempo depois graças a um tratamento que deu origem a meu irmão Crispo. Mas, durante a minha gestação, minha mãe afetiva, já sabedora da gravidez da índia acompanhou a tudo e fui trazido ao convívio de meu pai Tapuio e minha mãe afetiva nos primeiros dias de nascido. Meu irmão nasceu um ano depois e fui educado pelos meus pais a ter que lidar com situações como essa a qual me obrigo responde-lo.
    Seus argumento não me ofendem, muito pelo contrário, reforçam em mim a memória sempre presente de minha família e que ao contrário de você, eu não sou um acidente de percurso, minha família me escolheu e sempre fui amado, educado e protegido. Assim, minha relação com meu irmão Crispo é de mútua confiança e respeito – como você bem sabe.
    Desde que meu pai morreu, já enfrentamos seis ações de investigação de paternidade. Isso se deve ao fato de que essas pessoas imaginam que o espólio de meu pai é algo grandioso. O mais novo dos requerentes é pelo menos dez anos mais velho que eu. Se levarmos em consideração que meu pai morreu aos 72 anos, há de se imaginar que tiveram muito tempo para dirimir tais questões nos tribunais, mas não o fizeram. No entanto, não lhes tiro a razão. Das seis ações, restam duas, se de fato provarem ser nossos irmãos, ficarei muito feliz em poder ter contribuído para que parte de suas vidas seja oficialmente reescrita.
    Do patrimônio que herdamos de nosso falecido pai, absolutamente nada foi vendido, hipotecado ou coisa assim. Inclusive, atendendo aos aconselhamentos jurídicos, eu e meu irmão resolvemos parar com a atividade hoteleira. Observado o princípio lógico de que não me parece justo fazermos investimentos e melhorias em algo que pode não nos pertencer.
    Assim caro amigo nem tanto Anônimo. Vivemos uma vida modesta, sustentada com nosso digno trabalho, sem a proteção do erário público e de nenhum político. Mas, você sabe onde me encontrar, se quiser saber mais detalhes de minha vida pessoal eu te conto. Quero lembrá-lo de que não publicarei mais questões que não estejam relacionadas ao post. Obrigado.

    ResponderExcluir

Obrigado por sua participação em nosso fórum de debates sobre o cotidiano da cidade de Oriximiná, Pará, Amazônia, Brasil. Se quiser você pode enviar seus texto, fotos e vídeos para o e-mail hamilton@ariuca.com.br. Continue participando.